Com Selic a 8% ao ano, rentabilidade da poupança é superior a dos fundos de renda fixa

Adriana Aguilar      31/05/2013

Os rendimentos das cadernetas de poupança continuam mais atrativos, se comparados aos dos fundos de renda fixa, mesmo após a taxa básica de juro (Selic) subir para 8% ao ano no final de maio.

“A caderneta de poupança tem seu ganho garantido por lei (Taxa Referencial + 6,17% ao ano) e não sofre qualquer tributação, diferentemente dos fundos de renda fixa que possuem tributação do imposto de renda sobre seus rendimentos. Quanto menor for o prazo de resgate do dinheiro do fundo, maior a tributação. Também os bancos cobram a taxa de administração dos fundos”, explica o diretor executivo de Estudos e Pesquisas Econômicas da Associação Nacional dos Executivos de Finanças Administração e Contabilidade (Anefac), Miguel José Ribeiro de Oliveira.

Ainda considerando as recentes alterações nas regras da caderneta de poupança, que apresenta rendimento de 70% da Taxa Básica de Juros (SELIC), acrescida da variação da Taxa Referencial, o rendimento das novas contas supera a maior parte do ganho dos fundos de investimentos de renda fixa.

Outros textos:

Bolsa brasileira é a segunda que mais encolheu entre 110 países

Está mais do que na hora de aprender a investir

Estudo mostra a dificuldade dos empreendedores

Fique atento aos riscos dos fundos imobiliários

Brasileiros X norte-americanos: quem está comprando mais carros

Patrimônio das famílias norte-americanas despenca em três anos

Planejamento evita riscos do financiamento

Pesquisa Mundial sobre custo de vida 2012

 

Envie por e-mail

 

Deixe um comentário