Bolsa brasileira é a segunda que mais encolheu entre 110 países

Adriana Aguilar      29/05/2013

A bolsa de valores brasileira foi a que mais encolheu em número de empresas listadas, com redução de 18,3% no período de 2008 a 2012, perdendo apenas para os Estados Unidos – país de origem da crise financeira global, em março de 2007, que freou crescimento da economia mundial em 2008 e 2009.

Se considerado apenas os 27 países que respondem por 90% do total de empresas listadas (40.700) no estudo do Banco Mundial, a primeira posição no encolhimento de empresas listadas é dos Estados Unidos. Na segunda colocação, está a bolsa brasileira. O estudo do Banco Mundial considerou 110 países com 45.261 empresas listadas em dezembro de 2012.

O Brasil encerrou 2012 com apenas 353 empresas listadas em bolsa, ocupando a posição de 23º no ranking global em número de empresas, de acordo com o estudo do Banco Mundial.

Mesmo o Brasil apresentando o 7º maior Produto Interno Bruto (PIB) do mundo, a bolsa brasileira fica abaixo do Paquistão (43º PIB), Bulgária (75º PIB), Mongólia (129º PIB) e Vietnam (57º PIB), quando comparado o número de empresas listadas nas bolsas entre 110 países.

Outros textos:

Está mais do que na hora de aprender a investir

Estudo mostra a dificuldade dos empreendedores

Fique atento aos riscos dos fundos imobiliários

Brasileiros X norte-americanos: quem está comprando mais carros

Patrimônio das famílias norte-americanas despenca em três anos

Planejamento evita riscos do financiamento

Pesquisa Mundial sobre custo de vida 2012

Sem reservas, idosos sofrem com exaustão financeira

Aumenta a inadimplência entre idosos com empréstimos

A loteria é uma péssima aposta para milhões de pessoas

Loterias estimulam a poupança mensal?

 

Envie por e-mail

 

Deixe um comentário